Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Faça Você mesmo seu Guarda Roupa

Há duas maneiras de se desgastar comprando um armário novo. Uma é pagar caro e esperar muito para que a encomenda seja entregue. Outra é pegar a tarefa a unha, comprando peças para montar sozinho. Quem opta pela segunda alternativa pode economizar um bom dinheiro, além de surpreender as visitas com aquela frase cheia de orgulho: "Fui eu mesmo que fiz". Os móveis do tipo faça-você-mesmo, que o próprio consumidor se encarrega de montar, estão cada vez mais sofisticados – e já são raros os casos em que se acaba tendo na sala uma estante fora de prumo ou uma mesa manquitola. Esse tipo de móvel traz até algumas conseqüências sentimentais. "A montagem dá prazer e cria uma espécie de relação afetiva maior com a mobília". Peças caras, pesadas e que demandam complicada instalação por profissionais estão sendo substituídas por outras mais práticas, leves e fáceis de montar. A moda, já uma tendência mundial liderada por americanos e franceses, são as lojas do tipo pegue e faça. Nelas, é possível encontrar o armário, a estante ou o guarda-roupa que ficam prontos em poucas horas, desde que se tenha algumas ferramentas e um manual de instruções. Mais certa dose de paciência e alguma habilidade, é claro.
A primeira vantagem é o preço. Peças montáveis são até 50% mais baratas que as tradicionais. E algumas oferecem a mesma resistência e beleza de móveis que já vêm prontos. No ramo das cozinhas, boa parte das fábricas já trabalha com módulos que tanto podem ser vendidos para automontagem quanto instalados pelos profissionais da empresa. Na hora de comprar, é aconselhável testar os modelos já montados disponíveis nas lojas – balançando-os, batendo portas e gavetas – para ter uma idéia de sua durabilidade. A maioria dos produtos do tipo faça-você-mesmo vem com a furação e os encaixes já preparados. É só seguir o manual. Mas existem casos em que o folheto é pobre em explicações e mal escrito. É importante analisar, na hora da compra, se você terá condições de entendê-lo. Se ele for ruim, confira se há um telefone de atendimento ao consumidor e ligue pedindo ajuda, antes de fazer a aquisição.


Deixe algum comentário sobre suas experiências.

3 comentários:

Genilson disse...

dê dicas de onde comprar essas peças montáveis.

mari disse...

Justamente, Genilson. era o que mais interessava, mas...

Anônimo disse...

Se você é bom com desenho e medidas, você pode ir até uma madeireira, levar o seu desenho e pedir para cortar e filetar a chapa de MDF que você quiser. Fica bem em conta. Fiz o armário do meu banheiro e a mesa do meu quarto, e sabe quanto eu gastei ! R$230,00 (Madeira, cola, parafusos, puxadores para as 3 gavetas e uma porta, dobradiças de pressão) e ia me esquecendo, a madeira foi toda acabada com abs. O Marceneiro que é amigo da família tinha me pedido R$600,00 só no armário de banheiro.